O LADO OCULTO - Jornal Digital de Informação Internacional | Director: José Goulão

O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.

Assinar

LUZ VERDE DE WASHINGTON À ANEXAÇÃO DA CISJORDÂNIA

Através do seu embaixador em Israel, os Estados Unidos deram luz verde à anexação da Cisjordânia. Foi numa entrevista, mas um embaixador não fala a título pessoal.

“ACORDO DO SÉCULO” IMPÕE A EXTINÇÃO DOS PALESTINIANOS

A compra da naturalização dos refugiados palestinianos com muito dinheiro oferecido aos países de acolhimento, mirabolantes trocas de pedaços de territórios continentais e insulares, projectos industriais e tecnológicos de encher o olho e ainda a transferência de populações integram o pacote económico do chamado “Acordo do Século” através do qual Trump e Netanyahu pretendem “resolver” o problema central do Médio Oriente – a questão palestiniana. Em termos práticos, trata-se de erradicar a nacionalidade palestiniana, isto é, os palestinianos. Uma forma de “solução final”.

ISRAEL CONFISCA ESCOLAS PALESTINIANAS E VENDE-AS

O Estado de Israel vai vender em leilão as escolas que a União Europeia ofereceu aos palestinianos e que foram confiscadas arbitrariamente pelas forças de ocupação

ATÉ AO ÚLTIMO DOS PALESTINIANOS…

O que está em curso há mais de setenta anos contra o povo palestiniano é um genocídio. Bárbaro. Impune. Ignorado. Branqueado por uma “comunidade internacional” que repudia o próprio direito pelo qual deveria guiar-se; e por uma comunicação social vesga e totalitária que tomou conscientemente o partido dos genocidas, pelo que chega ao comportamento perverso de acusar as vítimas de práticas terroristas.

“GAZA JÁ ESCOLHEU: CONTINUAR A RESISTIR”

Os últimos bombardeamentos israelitas contra Gaza foram uma advertência à "calma" para o festival da Eurovisão. Israel teme que os oprimidos lhe estraguem a encenação

UNIÃO EUROPEIA É CÚMPLICE DO APARTHEID ISRAELITA

O embaixador cessante de França nos Estados Unidos, Gérard Araud, não tem dúvidas: Israel é um Estado que pratica o apartheid; e a União Europeia é cúmplice dessa situação aviltante para os direitos humanos agindo como um súbdito dos Estados Unidos e da política terrorista de Israel. Outros diplomatas de Estados membros da União pensam da mesma maneira, mas nada disso se reflecte na acção de Bruxelas e dos governos dos 28. A colonização da Cisjordânia está prestes a transformar-se em anexação e a União Europeia, proclamando-se "farol da democracia", não mexe um dedo para impedir que tal aconteça.

VOTEM APARTHEID !

Eleições gerais em Israel. No editorial do Haaretz, o jornalista Gideon Levy denuncia que 100 dos 120 deputados defenderão a continuação do apartheid.

ISRAEL QUER MAIS: “CHEGOU A HORA DA CISJORDÂNIA”

O Grande Israel é o limite. Depois de Jerusalém e dos Montes Golã, políticos israelitas pedem já a Trump que reconheça o território palestiniano da Cisjordânia como parte de Israel.

MONTES GOLÃ:TRUMP ESPEZINHA O DIREITO INTERNACIONAL

Eternização da ditadura de Netanyahu, riquezas petrolíferas e guerra contra o Irão são três objectivos de Trump inscritos no reconhecimento da anexação dos Montes Golã por Israel

ISRAEL COM A ÍNDIA NA GUERRA DE CAXEMIRA

A Índia é o maior cliente militar de Israel; os primeiros-ministros extremistas e nacionalistas trocam afinidades ideológicas viradas contra os vizinhos muçulmanos.

COMISSÃO DA ONU ACUSA ISRAEL DE CRIMES DE GUERRA

Actos cometidos por forças israelitas na repressão de manifestações palestinianas podem ser "crimes de guerra" ou "crimes contra a humanidade", conclui uma comissão da ONU

ISRAEL USA PALESTINIANOS COMO COBAIAS

"Os espaços palestinianos funcionam como laboratórios" para farmacêuticas e fabricantes de armamento, denuncia a professora israelita Nadera Shalhoub-Kevorkian

fechar
goto top